Fábrica de água em Friburgo, RJ, é reconhecida internacionalmente

 

Empresa fica localizada em zona rural do município.

São produzidas 30 mil garrafas de água mineral por mês.

 

Do G1 Região Serrana

 
 

Uma fábrica sustentável situada na região de Macaé de Cima, zona rural de Nova Friburgo, Região Serrana do Rio, produz 30 mil garrafas de água mineral por mês.  A empresa foi erguida em uma área de mata atlântica e tem como premissa a sustentabilidade. Em quatorze anos o proprietário se tornou referência internacional em produção sustentável.  Atualmente, o local possui 600 mil metros quadrados de área verde, mas quando o proprietário, Ricardo Freitas, adquiriu a propriedade, há 14 anos, o local estava todo desmatado. Ele, então, fez um reflorestamento plantando 50 mil árvores e, com isso, conseguiu preservar as nascentes.

Aquecimento solar fábrica Friburgo (Foto: Reprodução Intertv)Aquecimento solar fábrica Friburgo
(Foto: Reprodução Intertv)

O empreendedor explica que a ideia inicial era montar um espaço terapêutico para pessoas com problemas causados por estresse. Só que observando melhor a região, ele encontrou um manancial e resolver abrir o negócio.

O sítio tem nove nascentes. Quatro delas com água classificada como mineral, mas apenas uma tem o registro para o aproveitamento industrial. Nela, é possível captar 36 mil litros de água por hora. Mas a empresa utiliza apenas um sexto dessa capacidade com o objetivo preservar a capacidade de renovação da fonte.

Luz de led  (Foto: Reprodução Intertv)Luz de led (Foto: Reprodução Intertv)

A sustentabilidade está presente em cada detalhe da propiedade,  desde o projeto arquitetônico até a forma de captação da água. Na área de produção, as paredes são de vidro – uma forma de aproveitar a iluminação natural – as poucas lâmpadas que existem são de led, entre o teto e o telhado há um espaço aberto, por onde o vento passa, equilibrando a temperatura do local e a água é aquecida com energia solar.

A empresa, criada em 2004, tem clientes em Nova Friburgo e no Rio de Janeiro.  “Lucro e preservação ambiental podem caminhar lado a lado é só ter vontade e atitude”, diz Ricardo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: