Barra Bonita próxima de envasar água mineral

Amostras de água e rochas foram encaminhadas a Brasília para análise. Se comprovada a qualidade, município abrirá licitação para que nova indústria se instale

Barra Bonita – Folha do Oeste

 

Ainda no final do mês de dezembro de 2010, o município de Barra Bonita concluiu a furação de um poço em uma propriedade adquirida ainda na metade do ano. Terreno, que mede 75 mil metros quadrados, foi adquirido ao valor de R$ 165 mil pela municipalidade.
De acordo com o vice-prefeito, Claudimir Dassi, na primeira furação, com cerca de 102 metros de profundidade, o poço apresentou vazão de seis mil litros de água por hora. Após as primeiras análises, foi constatado que a água, mesmo apropriada para o consumo, ainda não apresentava composições suficientes para ser caracterizada como mineral. Conforme Dassi, a perfuração prosseguiu até atingir 126 metros de profundidade. “Agora, o poço verte oito mil litros de água por hora. Com a bomba, pode chegar a 50 mil litros de água por hora”, comenta. Segundo ele, o município investiu cerca de R$ 16 mil para realizar o serviço de perfuração.
Conforme o vice-prefeito, é necessário fazer um teste de vazão para saber quantos litros de água podem ser extraídos por dia para que não ocorra o comprometimento do abastecimento natural dos lençóis freáticos. Dassi calcula que será necessário interromper a extração em uma média de seis a oito horas por dia.

VISÃO
Segundo o vice-prefeito, a administração já sabia que nas terras adquiridas poderia haver água mineral de qualidade. “Sempre disse que tínhamos um rico potencial em água no subsolo. Sabia que tínhamos lençóis freáticos com água em abundância”, relembra. “Felizmente, agora isso se confirma, e, inclusive, com possibilidade de conter o vanádio”, complementa. Vanádio é um componente mineral que potencializa os benefícios da água.

ENVASE
Caso a qualidade da água seja comprovada para o envase, Dassi confirma que já existem empresas interessadas em se instalar no local para industrializar a água. “Claro que ainda dependemos de uma confirmação de análises, já que o poço foi confirmado como mineral”, ressalva. “Essa análise deve chegar de Brasília nos próximos dias, para confirmar, então, a água mineral, e, possivelmente, partirmos para as negociações de viabilização da futura indústria”, observa.
De acordo com o vice-prefeito, em razão do município possuir o terreno, o intuito será o de transformar a área em um polo industrial de Barra Bonita. “A proposta é esta. A empresa que vai extrair a água terá disponível uma área de dez a doze mil metros quadrados deste terreno”, adianta. Conforme prevê Dassi, com a implantação de uma envasadora de água, outras indústrias virão para o município. “Se isso se confirmar, teremos de ampliar o terreno para essas indústrias”, finaliza.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: