Reciclagem proporciona reutilização de material e economia de recursos pelo TJ

 

Garrafão de água é transformado em cesto de lixo

Materiais encostados e inservíveis estão sendo transformados em peças renovadas e úteis pela equipe da coordenação de Material e Patrimônio do Tribunal de Justiça do Maranhão, que desenvolve projeto de reciclagem que consiste no reaproveitamento de garrafões de água e móveis.

De acordo com o coordenador de Material e Patrimônio do TJ, Aristeu Júnior, além dessa prática ecológica, outros procedimentos estão sendo implantados neste setor, como a vistoria de materiais imobiliários que possam ser recuperados, como mesas, cadeiras e armários de aço, todos sob a responsabilidade do servidor Lemos. Somente esta semana, sete mesas reformadas foram entregues às comarcas de Buriticupu, Cedral e Icatu. Para auxiliar no processo de identificação e recuperação de móveis, o setor recebeu apenados em processo de ressocialização indicados pela Coordenação de Atividades Especiais do TJ (CAE).

Um dos trabalhos mais interessantes é o do motorista Waldimilson Lemos – mais conhecido como Dino, que utiliza a experiência de mais de dez anos na área de marcenaria e pintura para transformar garrafões plásticos em depósitos de lixo. Em três meses de trabalho, aproximadamente 120 cestos já foram produzidos e distribuídos para as comarcas da capital e do interior.

TRIAGEM – Para transformar o garrafão de água em cesto de lixo, a primeira etapa é a triagem dos recipientes de plásticos que estão inutilizáveis por apresentarem danos ou data de validade vencida. Após a seleção, é feito o corte no garrafão para dar moldura ao cesto. O acabamento é dado com lixa nas bordas e por último, o material recebe a pintura com esmalte sintético. Estão previstos para serem feitos mais 150 cestos até setembro.

“É importante que se amplie o projeto que colabora para diminuição de gastos, uma vez que se está reaproveitando material que iria para o lixo para transformá-lo em novo produto de consumo necessário ao TJ”, analisa.

A coordenação de Material e Patrimônio solicita aos setores do TJ que encaminhem os garrafões de água para o anexo do Tribunal, no bairro da Alemanha, a fim de que o setor possa realizar a devida averiguagem dos recipientes para uso ou reciclagem do material.

Andréa Colins
Assessoria de Comunicação do TJMA
asscom@tjma.jus.br
(98) 2106 9023/9024

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: