Doações de bombonas de água mineral não foram distribuídas às vítimas da chuva em SC

aterial está ao relento em depósito da Conab em São José, na Grande Florianópolis
Diogo Vargas
diogo.vargas@an.com.br
Enquanto o Oeste do Estado sofre com a estiagem e outras regiões sentem problemas de abastecimento, como o Norte da Ilha, em Florianópolis, milhares de bombonas de água mineral estão jogadas ao sol e ao relento no depósito da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), em São José, na Grande Florianópolis.
São doações para as vítimas da enchente de novembro e estão no local há mais de 30 dias. A Defesa Civil e a Secretaria da Justiça e Cidadania garantem que não há água vencida ou estragada no local.
Nem a Conab sabe precisar quantas bombonas estão no pátio, próximo à BR-101. Grande parte está ao ar livre em razão da falta de espaço no lugar, cedido parcialmente à Defesa Civil Estadual, responsável pelo controle, armazenamento e distribuição das doações. Pedaços de lona e papelão foram colocados como proteção, mas em quantidade insuficiente.
Problema seria o plástico das bombonas
O superintendente regional da Conab, Sione Lauro de Souza, mostrou à reportagem um fax enviado à Defesa Civil Estadual no dia 23 de dezembro, alertando sobre o prazo de validade de parte da água. Na época, Souza pediu um cronograma de distribuição e sugeriu que o consumo se desse com a maior brevidade possível a fim de garantir a qualidade do produto.
Até o meio da tarde de quarta-feira, o superintendente disse que não havia recebido nenhuma resposta. Segundo Souza, a água pode ser guardada por um período longo. O problema, ressaltou, está nas bombonas, pois não se sabe a procedência dos plásticos.
Por meio da assessoria de imprensa, a direção da Defesa Civil Estadual e a Secretaria da Justiça e Cidadania informaram que vistorias são feitas diariamente nos vasilhames que estão no local. Um levantamento dos municípios com estiagem no Oeste está sendo feito e a entrega será realizada o mais rápido possível. Parte das bombonas também deverá ser removida para o depósito da Defesa Civil em São José.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: